blasé.

A tecnologia acabou com as desculpas esfarrapadas. Se você recebe uma mensagem e não quer responder, desconecte-se do seu Facebook. Não adianta dizer que estava em reunião se seu último check in foi na padaria da esquina. Sem enganações, sem palhaçada:  sabemos que nem sempre somos exclusivas ou únicas, mas adoramos nos enganar. Ou melhor, adoramos tentar conquistar o posto de principais com jeitinho, sem neurose. Não dificultem as coisas.

Ser mulher e estar apaixonada por um cara é andar na corda bamba, mas simular ser blasé. É viver a mercê do sujeito e fingir que não se importa com isso. É saber sobre a rotina do outro e dar uma de desentendida. É não ligar mesmo quando deseja, precisa e deveria. Afinal, que homem gosta de ter ao seu lado uma verdadeira controladora? Temos ao menos que fingir que não estamos nem aí: nada pior para o ego masculino que o descaso.

Os jogos de conquista são um saco, mas se fazem necessários: ninguém gosta de ser tachada de desesperada à procura, não é mesmo? Ainda que seja a mais pura verdade…

Homens, entendam: mulher precisa ter hora, lugar e prazo. Se você está verdadeiramente interessado, planeje-se. Não deixe o dito pelo não dito, não faça com que a nossa espera se torne uma agonia – só a mulher sabe o verdadeiro significado da palavra ansiedade. Nada deixa o sexo feminino mais desorientado que a incerteza. É melhor ter uma amante e  falar na nossa cara, é melhor avisar que vai se atrasar por casa do futebol. Não diga que já saiu de casa ou que chega em 5 minutos se for demorar 2hs, isso é fatal para o nosso equilíbrio e crucial para nossa estabilidade.

Os primeiros momentos de um relacionamento são aqueles que definem seu desenvolvimento. Precisamos de tempo para pensar no melhor a ser dito, na roupa mais adequada, na postura, no sorriso e, obviamente, não parecer agoniadas por impressionar. Mulheres experientes são excelente atrizes: tudo é sutilmente planejado para parecer espontâneo.

Sabemos que não somos incríveis, mas não dá pra exibir todos os nossos defeitos de prima (pode ser que vocês se assustem). Não acabem com a nossa paz com essa postura desencanada, de bem com a vida e tão natural que lhes é peculiar. Não deixem para em cima da hora para planejar as coias.

Se esforcem, por favor. Prioridade, por favor.

E recebam de brinde o nosso melhor.

Você também pode ler

2 Comentários

  1. ah, maldita ansiedade…. segurar o surto psicótico quando o telefone não toca, a mensagem não chega, aquele silêncio absurdo! todas psicóticas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *